10 agosto 2011

Alcoolismo é Doença, não duvide disso !


Alcoolismo é uma Doença

O alcoolismo é uma doença incurável.
Diante desse fato muitas famílias e lares são destruídos.
As doenças incuráveis minam as estruturas emocionais do doente e dos familiares.
As famílias se dedicam à cura do doente, até que a doença os leve a morte, ou abandonam o doente.
Todo tratamento exige que o doente assuma a doença, ou tenha conhecimento dela e procure ajuda.
Como detectar a doença, se o consumo de álcool é aceito pela sociedade.
As bebidas alcoolicas são livremente vendidas em bares, lanchonetes, supermercados.
O álcool altera a personalidade das pessoas.
Para o alcoolatra, quando ele está bebendo e pensando, ele está meditando sobre a vida, ou resolvendo os seus problemas, ou o problema das outras pessoas.
Bebidas e festas são associadas a divertimentos e lazer.
Vamos fazer um churrasco? Logo vem em mente quantos quilos de carne e quantas caixas de bebidas alcoolicas serão necessários.
Quando a festa acaba? Quando acabar as bebidas alcoolicas. Caso a festa não acabe, ela vai mudar de endereço.
Dizem que os alcoolotras têm muitas facetas:
A maioria se transformam, os tímidos vencem as barreiras e começam a falar pelos cotovelos, cantam todas as mulheres das festas, cantam em karaokes e alguns dançam sobre as mesas e pode até acontecer um strip-tease, mas podem existir aqueles que esbarram os ombros em todas as pessoas e até o final dos eventos elas já arrumaram alguma confusão.
Sempre ocorrerão acidentes com bebidas caindo no chão, copos e garrafas quebradas, mas com o aumento do consumo inevitavelmente o piso dos ambientes em algum momento receberão o refluxo estomacal do excesso da bebida.
Acidentes começam a acontecer, batem o carro,moto, barco, lancha, jetski, a bicicleta ou são atropelados.
O emprego começa a correr risco, devido aos atrasados e posteriormente às faltas constantes. O exagero começa a acontecer quando começa a existir o consumo durante o expediente. Finalmente pode acontecer o abandono do emprego, pois sempre existem empregos melhores, ou o seu potencial não está sendo bem aproveitado pela empresa.
Durante este período, o agravante acontece quando se inicia o consumo de outras drogas, agora ilícitas. As drogas são fulminantes, minam ainda mais a autoestima das pessoas. O prazer e alegrias são maiores mas menos duradouras, a busca de nova dose de felicidade é necessária, aumentado ainda o consumo.
O inevitável acontece. Sem emprego e fonte de renda, os furtos e roubos dentro e fora do ambiente familiar começam a ocorrer, em alguns casos, inicia-se a venda do corpo, com a prostituição.
A promiscuidade e as drogas vão gerar novos transtornos. Filhos indesejados, ou transmissão de DST.
Mas todos os alcooltras seguem essa trilha até o final?
Não.
A partir de algum momento desse caminho, essa direção pode ser alterada.
Grupos de auto-ajuda como os Alcoolicos Anônimos colaboram com a dimuição e abandono do uso do álcool.
Existem 12 frases de orientação nesses grupos que posteriormente foram adaptados para outros grupos de autoajuda, com drogas, compulsão a medicamentos, comidas e outros.
Acompanhamentos médicos e psicológicos são indicados, visto que eles sempre apresentarão transtornos alimentares, normalmente má alimentação e necessidade de entender o que se deve fazer para o abandono do álcool.
Um dos melhores caminhos para a cura do Alcoolismo é encontrar o "Amor".
Amor próprio;
Amor que vale a pena;
Amor dos filhos e aos filhos; e filhas
Amor da mãe e para as mães; e pais
Amor de uma mulher e para uma mulher; ou homem
Amor a Deus, ou a um Poder Superior.
O Amor é a base de tudo, procure Amar alguém ou algo.


Nenhum comentário:

Postar um comentário